RSE

Linha "Não Viv So(s)”

Não Viv So(s)” é a linha telefónica gratuita de apoio a idosos que vivem sós e isolados no concelho de Viana do Castelo. A iniciativa surgiu no âmbito dos valores e política de responsabilidade social defendida pela nossa empresa, sensibilizando assim os colaboradores e toda a equipa para gestos e ações de carácter social.

Neste sentido, abraçamos o compromisso de assegurar, sem custos, pequenas reparações na habitação, prestar auxílio na compra de alimentos e medicamentos e acompanhar de perto as solicitações e dificuldades sentidas pela população sénior e só de Viana do Castelo.

Linha "Não Viv So(s)" - Com funciona?

Através do nosso número fixo e móvel) poderá entrar em contacto com a nossa equipa para expor e solicitar ajuda. De seguida, será acordado o horário para os nossos colaboradores, devidamente identificados, se deslocarem ao locar e responder com prontidão e eficácia ao pedido. Pretendemos ter uma voz pró-ativa com um acompanhamento contínuo e auxílio sempre que necessário.

A linha ” Não Viv So(s)” funcionará, inicialmente, no concelho de Viana do Castelo, sem custos para quem liga, com a empresa a mobilizar meios humanos e transporte, da própria VIV, para responder às solicitações.

Auxílio na manutenção e reparação de alguns artigos de lar, como por exemplo, mudança de lâmpadas, tomadas, interruptores e botijas de gás.

Auxílio em pequenas reparações em casa, como por exemplo, pequenos danos em paredes, portas e/ou outros equipamentos, desde que os mesmos não impliquem um custo significativo para a empresa.

Auxílio no transporte de bens materiais, como bens alimentares e medicação do local de venda até ao domicílio, salvaguardando que a transação monetária e compra fica ao encargo do idoso.

De realçar que o processo será avaliado pela VIV de forma a garantir que se encontra dentro dos requisitos previamente estabelecidos aquando da criação da linha de apoio.

O tempo de resposta atribuído mediante a disponibilidade dos colaboradores e o grau de urgência dos pedidos.

Fundación Khanimambo

A Fundação Khanimambo é uma organização não governamental que pretende ajudar 360 crianças da Praia do Xai-Xai em Moçambique. O programa inclui três vertentes de atuação: educação, nutrição e saúde com a missão de ajudar essas crianças a terem uma infância digna que lhes permita construir um futuro com mais oportunidades.

A Eva e o Cleiton são os nossos afilhados da Fundación Khanimambo, organização não governamental que pretende ajudar 360 crianças da Praia do Xai-Xai em Moçambique. Estamos muito orgulhosos por fazer parte da vossa caminhada, acompanhando o acesso à educação, cuidados médicos e uma alimentação equilibrada.
 

Todos os meses a VIV é presenteada com donativos de felicidade que nos permitem acompanhar, de perto, todo o trabalho desenvolvido por toda a equipa presente em Moçambique, assim como o precurso dos nossos afilhados.

Concerto Solidário
"Idosos sobre rodas"

Inserido na Responsabilidade Social da empresa, o Concerto Solidário teve a finalidade de sensibilizar a comunidade para os problemas que afetam vários idosos. Entre os quais, a falta de meios para se deslocarem, a carência de alguma mobilidade e a tendência de se isolarem dentro das suas casas. Um cenário que se intensificou com a pandemia, sentida a nível mundial.

O Concerto Solidário foi promovido pela VIV, o Banda de Cá e a Associação de Reformados e Pensionistas do distrito de Viana do Castelo. O Concerto Solidário contou com o apoio  da Câmara Municipal de Viana do Castelo, da Sanitop, Transneiva, o Banco BPI, a Loja Coisas da Breca, o Restaurante o Tabernão e a Fundação Khanimambo.

O Concerto Solidário Idosos sobre Rodas, que decorreu a 6 de novembro de 2021, no Centro Cultural de Viana do Castelo, angariou em bilheteira 6 mil euros para a compra de scooters elétricas, uma iniciativa de apoio à promoção da mobilidade dos idosos que vivem sós no concelho de Viana do Castelo.

O espetáculo com músicos de Viana encheu o palco do Centro Cultural onde a Responsabilidade Social foi a protagonista, mostrando o talento excecional da mítica Banda de Cá,  dos Contraponto, Jaime Parente do grupo Jarojupe, Bruno Meko & Vanessa da banda Renegados do Ritmo, Jorge Nande, Ex-Roconorte, e Vitor Coutinho da Beatlomania.

O resultado das receitas será utilizado na compra de scooters elétricas, permitindo dessa forma que os idosos possam sair de casa. A gestão dos equipamentos ficará a cargo da Associação de Reformados e Pensionistas de Viana do Castelo e a VIV terá a responsabilidade de assegurar a mobilidade dos equipamentos e a sua manutenção.

Prémio transfronteiriço GEMCAT

A VIV tem surpreendido os seus pares na dinâmica interna e na Responsabilidade Social Empresarial (RSE), destacando-se como uma empresa de boas práticas de conciliação da vida profissional e pessoal do norte de Portugal, sendo reconhecida através de um prémio transfronteiriço atribuído pela GEMCAT.

O projeto transfronteiriço GEMCAT – Geração de Emprego de Qualidade Transfronteiriço é uma iniciativa cofinanciada pelo Programa de Cooperação Transfronteiriça Espanha/Portugal (POCTEP) que conta com a participação, ao nível nacional, da Comunidade Intermunicipal do Alto Minho, da Câmara Municipal de Braga, da Universidade do Porto, e do lado espanhol, da Junta da Galiza, da Junta de Castela e Leão e da Junta de Extremadura.

Reabilitação de áreas classificadas do Concelho de Viana do Castelo

A VIV abraça um novo projeto inserido na responsabilidade social e ambiental com o apadrinhamento da área classificada Cristas Quartzíticas do Campo Mineiro de FolgadoiroVerdes, localizado na Montaria/Amonde.

VIV